terça-feira, janeiro 24


Consulta com clinico geral e respectivos exames

2

Consulta com o Dr. Fernando de oliveira, clinico geral. Data: 09 de janeiro 2012

                Eu havia lido em outro blog que ele era muito agradável, mas assustador pelo tamanho, pois tinha quase 2 m de altura... rsrsrs... A mais pura verdade, ele era alto mesmo, até meu marido que tem 1,92 se sentiu baixo. Como todos da equipe, ele era muito simpático e falava bastante. Explicou novamente sobre todos os métodos de cirurgia e me fez uma pergunta bastante interessante, perguntou se eu sabia quanto à cirurgia iria me fazer emagrecer e eu prontamente respondi que de 35% a 45% do peso inicial, no caso do by-pass. Eu me senti a sabichona do pedaço quando falei isso, mas ele retrucou dizendo que eu estava errada e que havia me perguntado quanto “a cirurgia” iria me fazer emagrecer.  Fiquei meio encabulada e falei que não sabia e ele com uma resposta que iria me fazer pensar, disse que eram apenas “6 Kg”. Pausa para o silencio, pois não havia entendido nada, foi quando explicou que se tivessem duas de mim e as mesmas fizessem em separado, uma a cirurgia bariátrica e a outra a mesma dieta sem a cirurgia, no final de um ano, a que fez a bariátrica teria perdido apenas 6 kg a mais que a outra. Na hora fiquei surpresa, foi então que ele completou dizendo que era obvio que a que não tinha feito à bariátrica não teria “suportado” a dieta liquida e todas as suas restrições, por isso a bariátrica é uma ferramenta, mas não a solução.  Achei o máximo à explicação dele, pois por inúmeras vezes achamos que a cirurgia é a nossa ponte de salvação, mas esquecemos que ela é apenas um auxiliar e o que se dará o emagrecimento efetivo e em longo prazo é a dieta equilibrada e balanceada. Cheguei à conclusão de que qualquer dos métodos que eu escolhesse, a garantia do resultado seria meu próprio esforço em manter uma dieta apropriada e independente de ser a by-pass ou a sleeve, eu alcançaria o tão sonhado resultado se me empenhasse para isso. A consulta me fez pensar bastante na totalidade da cirurgia e não só apenas em fazê-la, mas sim nas mudanças que eu deveria promover em toda a minha vida e meu jeito de encará-la.


                O Dr. Fernando me passou alguns exames, que vou listar:

·         Ecografia abdominal total, que marquei para dia 11 de janeiro;
·         RX do tórax, que marquei para fazer junto com a ecografia  no dia 11 de janeiro;
·         Ergometria, que marquei para dia 16 de janeiro no Instituto do coração;
·         Exame de sangue completo;
·         Endoscopia digestiva alta, esta ele pediu que eu fizesse com o Dr. Cesar Vivian na Santa Casa, que marquei para dia 03 de fevereiro;

2 comentários:

Beauty disse...

Perfeito o post!!!
Você está super consciente da cirurgia! Isto é muito bom!!!
Realmente quem opera esperando um milagre ou nunca alcança a meta ou volta a engordar...
Depende muitooooo de nós!!!!
Beijosss

Juliane disse...

Obrigado!!! Concordo plenamente com sua colocação de que não é um milagre mas sim uma alternativa... depende de nós querermos vida nova em todos os aspectos!

Postar um comentário

Seu cometário é sempre bem-vindo!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

▲ subir!